mulher
Reprodução douyin
Ex-marido não aceitava o término e por isso ateou fogo na ex-mulher influencer durante transmissão ao vivo


Uma reportagem da BBC Londres, com base em informações do site Beijing Youth Daily, revelou que o ex-marido de uma influenciadora digital chinesa, com mais de 780 mil seguidores, ateou fogo na ex-companheira durante uma transmissão ao vivo realizada no dia 14 de setembro. A mulher morreu na última quarta-feira (30).


A influencidora digital conhecida como Lamu também contava com cerca de 6 milhões de seguidores no Douyin, a versão chinesa do TikTok. O seu canal mostrava como é o cotidiano da vida rural na China e conteúdos sobre dublagem. 

No dia 14 de setembro, durante a transmissão ao vivo a tela ficou preta e os fãs começaram a ouvir grito, segundo informações do Beijing Youth Daily. Ela teve ferimentos e queimaduras de terceiro grau em 90% do corpo. Lamu foi levada ao hospital e ficou internada por algumas semanas, mas não resistiu. O ex-marido foi identificado e preso no mesmo dia. Ele responderá por homicídio doloso. 

    Veja Também

      Mostrar mais