explosão
Abdalle Ahmed / Twiter / Reprodução
Explosão do carro-bomba foi vista de longe

Pelo menos uma pessoa ligada ao governo da Somália e outras quatro não identificadas morreram após a explosão de um carro-bomba e a invasão de um hotel de luxo na praia Lido de Mogadíscio na manhã deste domingo (16).

Segundo agências de notícias internacionais, o ataque matou o oficial de comunicação do Ministério da Informação do país, identificado como Abdirizak Abdi. Não há informações sobre a quantidade de feridos, mas sites locais afirmam que há pelo menos outros quatro mortos confirmados até o momento.

Ainda há tiros esporádicos no local. A informação inicial que recebemos é de que cinco pessoas morreram e mais de 10 ficaram feridas. O número de mortos pode crescer porque a explosão foi enorme e há reféns envolvidos", afirmou o chefe de segurança do país, Ahmed Omar, em entrevista à agência de notícias AFP.

    Veja Também

      Mostrar mais