A volta às aulas presenciais no estado da Geórgia, nos Estados Unidos, tornou-se foco de debate após a divulgação de fotos e vídeos que mostram alunos aglomerados em corredores, muitos deles sem máscara . As imagens, que viralizaram, foram publicadas por uma aluna do ensino médio em Atlanta, capital do estado.

Hannah Watters, de 15 anos, chegou a ser suspensa das aulas após a divulgação do material. De acordo com a mãe da estudante , porém, a punição foi retirada nesta sexta-feira com um pedido de desculpas do diretor da instituição.

"O diretor pediu desculpas por qualquer atenção negativa que possa ter sido atrelada a ela e elogiou sua preocupação com as medidas de segurança", disse Lynne Watters, mãe da aluna, ao The Washington Post.

    Veja Também

      Mostrar mais