Explosão Líbano
Reprodução/Twitter
Moradores filmaram explosão no começo da tarde desta terça-feira (4).

Duas grandes explosões atingiram a região portuária de Beirute, a capital do Líbano, por volta das 12h30 (horário de Brasília) desta terça-feira (4), e deixou ao menos 70 mortos, segundo o Ministério da Saúde. De acordo com veículos de imprensa locais, as primeiras informações são de que o local atingido era um depósito de fogos de artifício.

Diversos moradores de Beirute  filmaram e publicaram nas redes sociais o momento em que a segunda explosão destrói prédios, gera uma enorme coluna de fumaça e ainda uma onda de choque (assista ao fim do texto). 

Em entrevista à emissora de TV local LBC, o ministro da Saúde do Líbano, Hamad Hasan, declarou que há um "número muito grande de feridos". Segundo dados do governo libanês, 3.700 ficaram feridas após a explosão.

Depois do incidente, o presidente do Líbano, Michel Aoun, disse decretou luto no país. Segundo o portal El País , o mandatário disse, ainda, que irá fornecer abrigo para as pessoas que tiveram seus lares afetados pela explosão.

As explosões acontecem às vésperas do veredicto de quatro suspeitos do assassinar o ex-primeiro-ministro do Líbano, Rafik Hariri, em fevereiro de 2005, em Beirute.

Militares brasileiros em Beirute

Pelo Twitter, a  Marinha brasileira informou que as duas explosões não atingiram a fragata Independência, que está em Beirute, mas distante do local afetado: "Todos os militares componentes da Força Tarefa Marítima (UNIFIL) da Marinha do Brasil estão bem e não há feridos".

Veja vídeos da explosão:









    Veja Também

      Mostrar mais