Cigarra
Pixabay
Fungo consome parte do corpo das cigarras.

Um grupo de pesquisadores dos Estados Unidos descobriram que uma população de cigarras está sendo infectada por um fungo parasita que as controlas e faz com que infectem outras espécies. Os grupos infectados foram apelidadas de “cigarras zumbis”.

Elas foram infectadas e estão sob influência do Massospora, um fungo com substâncias químicas similares às encontradas em cogumelos alucinógenos. Depois de infectar o hospedeiro, o fungo corre os órgãos genitais, a bunda e o abdômen das cigarras. Eles são subsistuídos por esporos que transmitem o fungo.

As cigarras infectadas pelo fungo foram descobertas em junho deste ano por pesquisadores da Universidade de West Virginia. Ao todo, foram encontradas três populações diferentes que entraram em contato com o fungo.

Entretanto, como as cigarras tem ciclos de vida de até 17 anos, mas vivem no subsolo por mais de uma década, os pesquisadores acreditam que será difícil estudar como o fungo age nos animais.

    Veja Também

      Mostrar mais