Médico Anthony Fauci falando ao microfone em púlpito
NIH/DIVULGAÇÃO
Anthony Fauci, especialista em doenças infecciosas dos EUA

Considerado um dos principais especialistas em doenças infecciosas dos Estados Unidos, o médico Anthony Fauci avalia que é "cedo demais" para que alguns estados do país comecem a reabertura em meio à pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2).

O comentário foi feito Fauci nesta sexta-feira (26), no qual ele disse que hoje talvez fosse a hora de "recuar alguns metros" para retomar as atividades e flexibilizar o isolamento social determinado para evitar a proliferação da Covid-19.

"Acho que não há tempo suficiente, o dia todo, para tentar analisar e descobrir os elementos multifacetados que entraram nisso", disse Fauci, segundo informações da CNN.

"Tudo, desde talvez abrir um pouco cedo demais até abrir no momento certo, mas não seguindo as etapas de maneira ordenada, ou realmente tentando seguir as etapas de maneira ordenada", completou.

Para Fauci, quando são apresentadas diretrizes para reabrir o país com segurança, autoridades e especialistas da área sanitária devem ter certeza de que  um recúo pode ser arriscado. "Isso faz parte de um processo em que podemos fazer parte da solução ou do problema", alertou.

Ainda de acordo com o médico, os EUA precisam começar a considerar "inundar o sistema com testes" frente aos novos dados do CDC (Centros de Controle e Prevenção de Doenças), principal entidade de saúde dos Estados Unidos.

    Veja Também

      Mostrar mais