bolívia
Twitter/@JeanineAnez
Jeanine Áñez, presidente interina da Bolívia


O Tribunal Superior Eleitoral da Bolívia decidiiu na manhã desta setxa-feira (26) que as eleições presidenciais serão realizadas no dia 6 de setembro com um eventual segund turn disputad no dia 18 de outubro, após terem sido adiadas por conta da pandemia do novo coronavírus (Sars-cov-2). A data original do pleito estava marcada para  dia 13 de maio.


O tribunal eleitoral frisou que a realização do processo eleitoral deve obedecer "às devidas medidas para proteger a saúde pública". Oito candidatos vão disputar à Presidência do país. A presidente interina do país, Jeanine Áñez, aprovou na terça-feira passada a nova data.

As eleições para presidente, vice, deputados e senadores estão pendentes desde a anulação das eleições de outubro do ano passado, quand o então mandatário Evo Morales foi declarado vencedor para um quarto mandato consecutivo e depois renunciou em meio a acusações de fraude.

    Veja Também

      Mostrar mais