Portugal relaxou medidas de isolamento após rígida quarentena desde 19 de março
PATRICIA DE MELO MOREIRA / AFP
Portugal relaxou medidas de isolamento após rígida quarentena desde 19 de março

Após 10 dias de flexibilização das medidas de distanciamento social, Portugal tem conseguido manter estável a curva de contágio de Covid-19, segundo divulgou a diretora geral de saúde, Graças Freitas. De acordo com a responsável pela Direção Geral da Saúde, a estabilidade da curva se dá pela manutenção das medidas de segurança por parte da população.

De acordo com o último boletim oficial, emitido na quinta-feira (14), o país teve 187 casos a mais de infecção, o que aumenta o total para 28.319. Foram registrados, também, nove mortes a mais. Segundo Freitas, a previsão do governo é que os novos contágios variem entre 200 e 300.

Veja também: 'Carta branca' para atos irregulares, dizem especialistas sobre MP de Bolsonaro

O secretário de Estado do país, Antonio Sales, destacou que a estratégia do país é a realização de testes em massa. Segundo ele, desde 1º de março, foram 584 mil exames de detecção do novo coronavírus.

Segundo integrantes do governo, são 56,7 mil testes por cada milhão de habitante, o que colocaria Portugal como o quinto país a fazer mais diagnósticos.

Leia também: Idosa com Covid-19 enterrada viva? A história trágica por traz do vídeo fake

A partir da próxima segunda-feira (18), Portugal iniciará a segunda fase de relaxamento de medidas, com a reabertura de creches e ampliação das aulas para adolescentes da faixa de 16 a 17 anos. Serão autorizadas, também, visitas aos asilos, e bares e restaurantes poderão receber clientes, desde que não superem a metade da capacidade.

    Veja Também

      Mostrar mais