Seis pessoas morreram da Carolina do Sul, nos Estados Unidos, morreram de Covid-19 - doença causada pelo novo coronavírus - após marcarem presença no mesmo funeral.

Leia também: Covid-19: número real de infectados no Brasil pode ser até 15 vezes maior

caixão
Reprodução
caixão

Leia também: No Brasil, ritmo de mortes por Covid-19 segue trilha dos países mais atingidos

Todos as seis pessoas que morreram de Covid-19 eram afro-americanas e tinham mais de 60 anos de idade. O médico legista do Condado de Sumter, onde vivia a maioria dos mortos, disse ao The State que todos, provavelmente, contraíram a enfermidade durante o funeral que foram em março.

Leia também: Covid-19: autópsia de vítimas mostra "agressividade impressionante" do vírus

"Eles compareceram ao mesmo funeral e infelizmente faleceram do Covid-19 ", disse o médico. “Eles voltaram para Sumter, ficaram doentes e fui notificado de que tinham contraído o vírus. Infelizmente, uma grande quantidade de pessoas se reuniu naquele funeral, alguém lá foi infectado, espalhou e simplesmente não sabia", completou.

A Carolina do Sul teve mais de 3.600 casos confirmados de Covid-19 e 107 mortes pela doença até a última quarta-feira (15). Cerca de 90% das fatalidades do estado são de pessoas com mais de 61 anos. Os afro-americanos, que representam 27% da população do estado, respondem por 56% das mortes.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários