Madrid lançou a campanha
Divulgação/Prefeitura de Madrid
Madrid lançou a campanha "Eu fico em casa" para estimular cidadãos a não saírem nas ruas durante a pandemia de coronavírus


As complicações da Covid-19, doença originada pela presença do novo coronavírus no organismo humano, já matou pelo menos 10.031 pessoas em todo o mundo, de acordo com levantamento da universidade Johns Hopkins , dos Estados Unidos. O estudo, atualizado na manhã desta sexta-feira (20), também contabiliza 245 mil infectados pelo vírus.

A Itália é o país que tem o maior número de mortes, com cerca de 34% do total dos óbitos, e também o maior número de infetados dentro da Europa , com 41 mil pessoas diagnosticadas com Covid-19 . O país com mais registros da doença em todo o mundo é a China , que já contabiliza 81 mil casos confirmados.

Leia também: Entidades criticam fechamento de fronteiras e pedem proteção a refugiados

No Brasil , até a última atualização, o número de infectados é 647, em 21 estados e no Distrito Federal. Sete pessoas morreram, cinco no estado de São Paulo e outras duas no Rio de Janeiro. Medidas de prevenção já foram tomadas em todo o país para diminuir a circulação de pessoas nas cidades, mas nos próximos dias os números devem seguir aumentando.

Segundo o Ministério da Saúde, já existe transmissão comunitária do novo coronavírus , que acontece quando não é possível rastrear qual a origem da infecção, em algumas áreas do país. Os estados de São Paulo e Pernambuco, além das cidades do Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Porto Alegre e Tubarão-SC estão entre estas regiões.

    Veja Também

      Mostrar mais