Donald Trump
Shealah Craighead/Official White House
Donald Trump, presidente dos Estados Unidos

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou neste sábado (14) que foi submetido a um teste para verificar se está ou não com o novo coronavírus (Sars-CoV-2).

Leia também: Trump declara emergência nacional nos Estados Unidos por coronavírus

"Eu fiz o teste de coronavírus", afirmou Trump , explicando que fez o exame na noite de sexta-feira (13). Durante coletiva de imprensa, o republicano ainda informou que ainda não obteve resultado e que, normalmente, ficará pronto em um ou dois dias. Até o momento, no entanto, o magnata não apresentou sintomas da Covid-19.

Mais cedo, a Casa Branca disse que passará a monitorar a temperatura de todos que tiveram contato com Trump e o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, como uma medida de precaução, principalmente depois deles terem estado próximos a pessoas que testaram positivo para a doença .

Na última semana, Trump esteve com o presidente Jair Bolsonaro e sua comitiva, na qual três membros foram diagnosticados com Covid-19 . São eles: o secretário de Comunicação Fábio Wajngarten, o encarregado de negócios nos EUA, embaixador Nestor Forster, e o senador Nelsinho Trad. Até o momento, o país registrou 50 mortes.

Por sua vez, Nova York contabilizou a sua primeira vítima, segundo o prefeito Bill de Blasio. A paciente, uma mulher idosa de 82 anos, estava internada no Centro Médico Wyckoff e foi um dos primeiros casos da doença na cidade.

Leia também: Prévias eleitorais são adiadas nos Estados Unidos por causa do coronavírus

Hoje, entrou em vigor no país a suspensão de voos vindos da Europa. A medida afetará estrangeiros que passaram pelos últimos 14 dias por qualquer um dos países da zona Shengen. Os voos vindos do Reino Unido e Irlanda também serão bloqueados a partir da próxima segunda-feira (16).

    Veja Também

      Mostrar mais