Fronteira com a Itália em Brennero, na Áustria, será fechada
TGCOM
Fronteira com a Itália em Brennero, na Áustria, será fechada


O governador da região austríaca do Tirol, Gunther Platter, anunciou nesta terça-feira (10) o fechamento da fronteira com a Itália em Brennero , em função da decisão do primeiro-ministro Giuseppe Conte de estender para todo o país as medidas de restrição à circulação de pessoas.

A declaração é citada pela agência local APA e confirma o primeiro bloqueio de uma fronteira terrestre na União Europeia desde o início da epidemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2). O Tirol fica ao norte da província autônoma de Bolzano, a única região administrativa da Itália onde os falantes de alemão são maioria e que pertenceu ao Império Austro-Húngaro até o fim da Primeira Guerra Mundial.

Leia também: Itália restringe movimentação no país para conter o coronavírus

"Com a extensão da zona protegida para toda a Itália , podemos dizer que as fronteiras serão fechadas, com exceção do tráfego de retorno", disse Platter, acrescentando que a situação no país vizinho é "dramática". "Agora precisamos de calma e prudência", afirmou.

Segundo o governador, além de Brennero, também haverá controles nas passagens de fronteira em Resia e Prato alla Drava. Antes do anúncio, o Ministério das Relações Exteriores da Áustria já havia lançado um apelo para que todos os cidadãos que estão na Itália retornassem para casa. Quem voltar precisará ficar em quarentena por duas semanas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários