Trump arrow-options
Agência Brasil
O governo de Donald Trump não aceita que o TPI investigue ações americanas no Afeganistão.

O Tribunal Penal Internacional (TPI), localizado na cidade de Haia, na Holanda, autorizou na manhã desta quinta-feira (5) a abertura de uma investigação sobre os crimes de guerra cometidos por soldados dos EUA no Afeganistão. Essa é a primeira vez que a Corte autoriza uma investigação contra os americanos desde o começo do conflito, em 2001.

Leia também: Cidade congelada: Ventania nos EUA  transforma casas em “esculturas de gelo”

Dentre os crimes que serão investigados está uma possível ligação da CIA , agência de inteligência americana, com casos de tortura no Afeganistão . Outros militares estrangeiros, soldados afegãos e membros do Talibã também serão investigados por suposos crimes cometidos.

Em abril de 2019, os juízes do TPI haviam se negado a abrir uma investigação para averiguar possíveis crimes de guerra cometidos no país. Segundo eles, essa investigação não serviria aos interesses da Justiça.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump , não aceita que o TPÍ investigue ações americanas no Afeganistão. Segundo o advogado pessoal de Trump, Jay Sekulw, a investigação vai diretamente contra os interesses americanos.

    Veja Também

      Mostrar mais