Ombro
Reprodução
Tracy Brabin foi chamada até de "escória" por ter mostrado parte do ombro durante discurso

Um caso inusitado de 'linchamento virtual' aconteceu na Inglaterra nesta terça-feira (4). A deputada trabalhista Tracy Brabin foi duramente criticada, e chamada até de "sem moral" e "escória", por mostrar o ombro durante discurso na Câmara dos Comuns do Parlamento de Londres na última segunda-feira (3).

Leia também: Na contramão, motociclista realiza 'fuga de cinema' para evitar assalto; assista

Segundo informações do The Guardian, tudo começou quando ela se levantou para falar e foi 'traída' pela alça do vestido , que acabou escorregando e deixando parte de seu ombro direito à mostra. Apesar de parecer normal, foi o bastante para o início do ataque.

No Twitter, muitos britânicos disseram que Tracy não estava vestida de forma adequada e não profissional para o cargo que ocupa. Porém, houve quem aumentasse o tom e definisse a deputada como uma "mulher sem moral" e até de "escória", ressaltando que ela poderia estar embriagada.

A polêmica envolvendo o nome de Tracy, eleita em 2016 após sua antecessora ter sido assassinada, foi tão grande que motivou até a realização de enquetes em programas de TV. Em um deles, 78% das pessoas afirmaram que ela estava vestida de "forma inapropriada".

Leia também: 'Guerra dos sacolés' registra 1° caso de violência entre jovens do Rio; assista

Apesar das críticas, vale ressaltar que não existe qualquer regra de vestimenta no Parlamento britânico, apenas uma 'recomendação' para que os parlamentares utilizem "peças formais".

    Veja Também

      Mostrar mais