IstoÉ

Mictório
Fabrizia Granatieri
Homem foi obrigado a lamber mictório


Um sem-teto está processando o Departamento de Polícia de Honolulu, nos EUA, e a cidade depois de, segundo ele, ser obrigado por policiais a lamber um mictório em um banheiro público, de acordo com informações do portal USA Today.

Leia também: Homem que teve pescoço cortado por linha chilena diz que foi salvo por óculos

Segundo a reportagem, Samuel Ingall estava procurando abrigo no banheiro em janeiro de 2018, quando um dos policiais disse a ele em um “tom agressivo” que “a única maneira de evitar a prisão era lambendo o mictório no banheiro”, disse o processo.

Outro policial estava parado na porta, abrindo a porta e a fechou para que não fossem capturados em vídeo, de acordo com o processo aberto na semana passada.

John Rabago, que permanece em serviço restrito, se declarou culpado em dezembro de privar Ingall de seus direitos civis. Reginald Ramones, que deixou o departamento em agosto, se declarou culpado de uma acusação menor de que sabia que Rabago cometeu uma violação dos direitos civis, mas não informou as autoridades.

De acordo com o processo de Ingall, Rabago o seguiu para fora do banheiro e riu enquanto contava a outros policiais sobre Ingall lambendo o mictório .

    Veja Também

      Mostrar mais