Bombeiros caminhando pelas ruas arrow-options
Reprodução/Twitter
Bombeiros aderiram a protestos contra a reforma da Previdência

Bombeiros entraram com confronto com a polícia nesta terça-feira (28) durante um protesto contra a reforma da Previdência em Paris , na França . A categoria se uniu aos manifestantes que já protestam há dois meses pedindo melhores condições de trabalho e aumento do bônus de periculosidade, que é o mesmo desde 1990.

Leia também: Macron é alvo de protesto durante ida a teatro em Paris

Como forma de protesto, alguns dos bombeiros atearam fogo nos próprios uniformes. A polícia reagiu com o lançamento de bombas de gás lacrimogêneo e o uso de cassetetes contra os manifestantes.

Em outubro do ano passado, os bombeiros chegaram a participar das manifestações, quando pediram melhores salários, garantias para suas aposentadorias e maior respeito pela profissão.

A França vive uma onda de protestos contra a reforma da Previdência proposta pelo presidente Emmanuel Macron desde dezembro. Segundo o primeiro-ministro, Édouard Philippe, a nova Previdência deve resultar em um orçamento de pensão equilibrado e aumentar a idade da aposentadoria é a melhor maneira de conseguir isso. Hpje a França gasta o equivalente a 14% do PIB em pagamentos de pensões.

    Veja Também

      Mostrar mais