Tamanho do texto

De acordo com o ministro das Relações Exteriores, a detenção de Rob Macaire "viola flagrante da legislação internacional"

O embaixador do Reino Unido no Irã, Robert Macaire , foi detido pelas autoridades iranianas neste sábado (11) durante as manifestações contra o governo do país, informou o ministro das Relações Exteriores britânico, Dominic Raab.

Leia também: 'Ataque contra Irã é intervenção divina', celebra Estado Islâmico

Rob Macaire arrow-options
Divulgação/Governo britânico
Rob Macaire


"A detenção de nosso embaixador em Teerã sem razão ou explicação é uma violação flagrante da legislação internacional", declarou Dominic Raab .

De acordo com a agência de notícias AFP , Rob Macaire ficou detido por cerca de uma hora. Os Estados Unidos ainda pediram para que o Irã se desculpe formalmente pela ação contra o embaixador.

Leia também:  Vídeo mostra momento em que avião caiu no Irã

"Isso viola a Convenção de Viena. Fazemos um chamado ao regime para que se desculpe formalmente com o Reino Unido por violar seus direitos e que respeite os direitos de todos os diplomatas", escreveu o porta-voz Departamento de Estado, Morgan Ortagus, em seu Twitter.

Iranianos protestam

Neste sábado, um grupo de manifestantes iranianos pediu a saída do líder supremo do país , o aiatolá Ali Khamenei, depois que autoridades do Irã admitiram que um míssil de seu próprio exército derrubou um avião com 176 pessoas na quarta-feira (8).

Em vídeos postados em redes sociais, a aglomeração aconteceu na frente da universidade de Amir Kabir, em Teerã.

De acordo com o The New York Times , os atos foram organizados em redes sociais, originalmente, para lamentar a perda de vidas da queda do avião da empresa aérea Ukraine International Airlines, mas eles se tornaram protestos contra as ações do governo.