Tamanho do texto

Jovem de 12 anos atingiu ainda pelo menos outros quatro estudantes; de acordo com o prefeito da cidade de Torreón, ele carregava duas armas

criança abre fogo em escola arrow-options
Reprodução
Criança abriu fogo em escola do México, matou professora e depois cometeu suicídio

Uma criança de 12 anos abriu fogo em uma escola da cidade de Torreón, no México, nesta sexta-feira (10), matou a professora e depois cometeu suicídio. Ao menos outros quatro estudantes ficaram feridos, de acordo com o coordenador da Secretaria de Segurança Pública da região de Laguna, Adelaido Flores.

Leia também: Três pastores evangélicos são presos por imigração ilegal e tráfico de pessoas

De acordo com declarações do prefeito da cidade, Jorge Zermeño, à imprensa local, a criança carregava daus armas no momento do ataque. As autoridades trabalham no local, de acordo com as primeiras informações, e pais de outros alunos foram ao local para buscar seus filhos e evacuar a área.

Em imagens que circulam nas redes sociais é possível ver uma pistola ao lado do que parecer ser o corpo do jovem.

A cidade de Torreón tem aproximadamente 680 mil habitantes e fica ao norte do país, a cerca de 993 km de distância da capital Cidade do México.

Leia também: 'Espírito' foi contratado para solucionar incêndios na Austrália, diz fundação

Ainda não se tem informações sobre o que teria levado a criança a realizar o ataque.