Bolsonaro
Valter Campanato/Agência Brasil
Durante a campanha, Bolsonaro ofereceu apoio a Lacalle Pou, mas foi negado

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira (25), que irá na posse presidencial no Uruguai se confirmada a vitória de Lacalle Pou . " Não está confirmada ainda a vitória . Acho que dificilmente reverte. Se já estivesse declarado vitorioso, estava acertado um telefonema nosso para lá, bem como a confirmação da nossa ida na posse", disse Bolsonaro .

Ainda segundo o presidente, somente "morto" ele não irá à posse "desse candidato que está na frente". "O outro candidato governista Daniel Martínez , eu converso com ele. E ele não se manifestou como o da Argentina falou", disse, fazendo referência a declarações de Alberto Fernández, presidente eleito argentino que defendeu a saída da prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). As declarações do presidente foram feitas em frente ao Palácio da Alvorada.

Durante a campanha, Jair Bolsonaro havia afirmado que Lacalle Pou era seu preferido para o comando do país vizinho, mas o candidato de direita uruguaio  rejeitou o apoio do presidente brasileiro. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários