Tamanho do texto

Caso foi registrado na província de Misiones e gravidez só foi descoberta após menina dar entrada em hospital com fortes dores abdominais

grávida arrow-options
Pixbay/Creative Commons
Pessoa grávida. Foto ilustrativa

A Polícia da província de Misiones, na Argentina, investiga um caso de estupro de uma menina de 10 anos de idade pelo próprio irmão, de 15 anos, dentro de casa. Os abusos foram descobertos após a garota dar entrada no hospital com fortes dores abdominais.

Na ala de pediatria, um médico detectou a gravidez de quase oito meses. A menina confessou que sofria estupros por parte do irmão e, de acordo com policiais, parecia não entender o que estava acontecendo.

Leia também: Homem estupra estudante que saía do Enem e é preso após esquecer CNH no local

Segundo o jornal El Clarín , a mãe da criança não sabia que a menina era abusada pelo irmão. A garota está internada em um abrigo e deve ficar sob tutela da tia. O menino, que só estudou até o fim do ensino fundamental, foi tirado da escola porque tinha quadros epilépticos. Ele deve responder judicialmente como menor de idade.

O Conselho Tutelar da cidade foi até a residência da menina, que morava com a mãe e mais seis irmãos, e detectou que não há sinais de maus tratos ou ambiente insalubre no local. O bebê deve ficar sob cuidado da avó da garota .