Tamanho do texto

Mulher de 32 anos viajou para morar no país europeu com o namorado, identificado apenas como “Dennis”, após engravidar dele em Fortaleza

mulher de cabelos longos arrow-options
Família de Patrícia Oliveira / Arquivo Pessoal
Mulher, que estava grávida, foi encontrada morta com um bebê na Holanda

Uma brasileira de 32 anos foi encontrada morta na dentro de uma casa na cidade de Diemen, na Holanda, junto com um recém-nascido. Patrícia de Oliveira Santos, que é natural de Fortaleza, no Ceará, se mudou para a Holanda grávida para morar com o namorado, identificado apenas como "Dennis", que conheceu durante viagem dele ao Brasil.

Segundo a TV Verdes Mares, a mulher manteve um relacionamento de três anos com o rapaz entre idas e vindas dele ao Brasil e engravidou em uma dessas ocasiões. Ele teria a convidado para morar no país estrangeiro e, grávida de oito meses, ela embarcou.

A mulher, que tem outros dois filhos morando no Brasil, teria mantido conversas diárias com a família, mas começou a narrar um comportamento de agressividade e ciúmes por parte do namorado, sumindo em seguida. A morte dela foi informada à família no meio do mês de outubro.

Leia também: Mulher é morta e post nas redes afirma: "fui trair meu marido polícia deu nisso"

Ao mesmo tempo em que a morte de Patrícia foi informada à família dela, jornais holandeses noticiaram a prisão de um homem de 48 anos, identificado como Dennis van E., pela morte de uma mulher e o filho dela na mesma cidade em que Patrícia desapareceu.

Segundo o jornal AD news, da Holanda , o rapaz era um especialista na área de pensões e tinha parado de trabalhar há algum tempo por ter "ganhado dinheiro suficiente". A princípio, a polícia teria suspeitado que a morte da mulher e do bebê tivesse ocorrido de forma natural, mas em pouco tempo os oficiais começaram a desconfiar que uma tentativa de aborto por parte do homem possa ter matado a mulher.