Tamanho do texto

Relatório aponta que piloto colocou xícara de café em uma mesa de bandeja durante o voo, lugar onde os objetos ficam "vulneráveis a serem derrubados"

Painel de controle de avião danificado por derramamento de café arrow-options
AAIB/PA
Piloto derruba café em painel de avião e desvia voo

Um airbus da companhia aérea Condor teve seu trajeto desviado por causa de um derramamento de café na cabine do piloto. O avião, que levava 326 passageiros e 11 pessoas da tripulação a bordo, saiu de Frankfurt, na Alemanha, com destino à Cancún, no México. No entanto, devido a uma fumaça no painel provocada pelo café derramado, a aeronave teve que mudar o percurso e pousou no aeroporto de Shannon, na Irlanda. A informação foi publicada pelo jornal "The Guardian".

Segundo a Agência de Investigação de Acidentes Aéreos (AAIB, na sigla em inglês), o relatório do incidente mostrou que o líquido quente danificou um painel do controle de áudio da aeronave, o que causou um cheiro de queimadura elétrica e a fumaça. Isso gerou uma dificuldade de comunicação para os tripulantes que pilotavam o Airbus A330.

Leia também: Homem negro diz que foi expulso de avião para cachorro voar na 1ª classe

Normalmente, os desvios custam às companhias aéreas entre 10 mil e 80 mil libras, dependendo do tamanho da aeronave e para onde ela será desviada, conforme as regras definidas pela Autoridade de Aviação Civil.

O relatório da AAIB descobriu que o capitão, de 49 anos, havia colocado sua xícara de café em uma mesa de bandeja, onde os objetos eram "vulneráveis a serem derrubados", apesar da Airbus recomendar que os pilotos usassem os suportes de xícara fornecidos. Ainda de acordo com a agência, o tamanho dos copos usados pela Condor "geralmente desencoraja" o uso do item.

A companhia aérea alemã se manifestou sobre o incidente garantindo que as tampas dos copos fossem fornecidas em todos os voos e lembrando aos pilotos sobre o cuidado com os líquidos. Também foram fornecidos copos de tamanho apropriado para os suportes.

O acidente no avião da Condor aconteceu no dia 6 de fevereiro deste ano, mas relatório que esclarece o caso só foi divulgado nesta semana.