Tamanho do texto

Grupo apresentou sintomas como tonturas e vômitos, indicando intoxicação relacionada com o consumo; caso aconteceu em cidade de Portugal

Portugal arrow-options
Divulgação/Guarda Nacional Republicana de Portugal
Ao todo, seis parentes, com idades entre 4 e 62 anos, acabaram intoxicados

Um jovem de 22 anos deixou seis parentes, com idades entre 4 e 62 anos, intoxicados com um bolo feito a base de maconha, na cidade de Ovar, no distrito de Aveiro, em Portugal.

Leia também: Nove crianças são hospitalizadas ao comer doces com maconha

A Guarda Nacional Republicana (GNR) do país lusitano informou, por meio de sua página no Facebook, ter sido acionada pela própria família, que teria consumido o derivado da maconha no último final de semana. Pela foto divulgada no post, é possível ver apenas metade do bolo.

O grupo apresentou sintomas como tonturas e vômitos, indicando uma intoxicação relacionada com o consumo de cannabis, de acordo com o órgão português. As seis pessoas foram levadas a um hospital pelos Bombeiros Voluntários de Ovar, onde ficaram internados. A ocorrência foi encaminhada ao Tribunal Judicial da cidade.

Investigações foram realizadas na casa da família, onde agentes encontraram indícios de que o jovem preparou o bolo com folhas da maconha . No local, foram apreendidos uma estufa de cultivo, cinco porções de cannabis, um triturador e um termômetro. Não foi informado, porém, se a intoxicação foi intencional ou se tudo não passou de um mal-entendido.

Leia também: PRF realiza maior apreensão de maconha no Paraná em 2019: 4,6 toneladas