Homem foi encontrado ferido e coberto de sangue
Reprodução/Twitter/@pordook
Homem foi encontrado ferido e coberto de sangue

Um morador da província argentina de Rio Negro lutou contra uma onça-parda para tentar salvar o seu cachorro que havia sido surpreendido pelo animal selvagem. Vicente Navarrete, de 64 anos, foi encontrado por policiais e bombeiros 12 horas após o acontecimento. Ele estava coberto de sangue e com graves feridas e fraturas.

Leia também: Onça-pintada rara é flagrada passeando pelas ruas de Juiz de Fora; assista

Segundo o diário argentino Clarín , o caso aconteceu enquanto o homem percorria o campo a cavalo, acompanhado por seu cachorro, à procura de vacas perdidas. Foi nesse momento que Navarrete ouviu latidos e um gemido, e ao se aproximar do local percebeu que seu cão lutava contra uma onça-parda .

“Ela pesava mais de 80 quilos, nunca tinha visto nada assim, e gritava. Eu sabia que ela ia matar o meu cão. Eu dei algumas facadas primeiro, tentando tirá-la [do meu cachorro ], e aí se foi e nós o seguimos", contou ao jornal.

Leia também: Onça-pintada escapa de jaula em zoológico dos Estados Unidos e mata seis animais

O homem só foi encontrado depois que a equipe de resgate ouviu os latidos do cachorro. A onça-parda não resistiu aos ferimentos deixados por Navarrete e foi encontrada sem vida.  

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários