Andrés Manuel López Obrador
Reprodução/Twitter
O presidente mexicano Andrés Manuel López Obrador lamentou a prisão perpétua de El Chapo.

O p residente do México , Andrés Manuel López Obrador, lamentou, durante coletiva realizada nesta quinta-feira (18), a condenaçao à prisão perpétua de El Chapo. “Lamento muito que haja casos desse tipo. Não quero que ninguém fique preso, que ninguém sofra. Sou um idealista”, afirmou o mexicano.

Leia também: Família alega “vontade de Deus” após ficar oito anos sem pagar impostos

Depois de três meses de julgamento, El Chapo foi condenado à prisão perpétua por traficar toneladas de drogas para os EUA . Ele também foi acusado, durante o processo, de ter torturado e matado 26 pessoas.

 “Quando todas essas coisas que acontecem terminam em condenações como essa, uma condenação para ficar na prisão o resto da vida, em uma prisão hostil, dura, desumana, sim, isso me comove”, disse o presidente.

O governo dos EUA está tentando embargar cerca de US$ 12,6 bilhões (cerca de R$ 44 bilhões) que El Chapo teria acumulado ao longo dos anos. Entretanto, todas as tentativas falharam até o momento.

Leia também: Filho de Trump nega hipótese de assumir embaixada em Brasília

O presidente mexicano disse que “tudo o que for confiscado e que tenha a ver com o México deve ser devolvido para o México ” . Obrador disse ainda que acredita que os EUA concordarão com isso. “Acredito que sobre isso o governo dos Estados Unidos também estará de acordo, de nos entregar o que pertence ao México” concluiu o político.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários