Tamanho do texto

Tiros foram disparados dentro e fora do prédio; um policial e dois funcionários do local, além do atirador, morreram no incidente

Tiroteio em Chicago ocorreu no no Mercy Hospital, nesta segunda-feira (19); atirados foi baleado e morreu
xnatedawgx/Wikimedia Commons
Tiroteio em Chicago ocorreu no no Mercy Hospital, nesta segunda-feira (19); atirados foi baleado e morreu

Um tiroteio em Chicago no Mercy Hospital, nesta segunda-feira (19) deixou três vítimas fatais, além do atirador. Disparos foram feitos dentro e fora do hospital, informou a emissora ABC. Segundo o porta-voz da polícia de Chicago, Anthony Guglielmi o atirador foi baleado e morreu, mas que ainda não se sabe se ele foi morto ou cometeu suicídio.

Leia também: Sobe para 80 o número de mortos nos incêndios que atingem a Califórnia

A única vítima fatal identificada até o momento é o policial Samuel Jimenez, que teria evitado uma tragédia ainda maior. Outras duas pessoas que perderam a vida seriam funcionárias do hospital, mas ainda não tiveram seus nomes divulgados pelas autoridades.

De acordo com a CNN, o atirador foi identificado como um homem de 32 anos, mas seu nome também não foi revelado. A polícia ainda pede que as pessoas evitem a região e bloqueou as escadarias de todos os 12 andares do prédio. Policiais percorreram todos os pisos antes de declarar o local seguro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.