Balão Trump Baby acompanhou onda de protestos em Londres, durante visita do presidente dos EUA ao Reino Unido
Reprodução/Twitter
Balão Trump Baby acompanhou onda de protestos em Londres, durante visita do presidente dos EUA ao Reino Unido

Quem achou que o balão Trump Baby iria se aposentar depois da viagem do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, a Londres, no Reino Unido, estava muito enganado. Isso porque, depois que imagens do boneco inflável viralizaram nas redes sociais, devido aos protestos de Londres , ele deve sobrevoar, em breve o céu do território norte-americano.

Afinal, ativistas dos estados da Califórnia, do Texas, da Louisiana, da Carolina do Norte e de Utah conseguiram arrecadar mais de US$ 10 mil (o equivalente a cerca de R$ 38 mil) em apenas três dias para criarem a versão norte-americana do balão Trump Baby .

"Entrei em contato com o fabricante novamente e teremos nosso balão em meados de agosto", confirmou Didier Jiménez Castro, um dos organizadores da campanha.

O balão, que mada mais é do que a imagem de Trump, sendo representado em uma forma de bebê, com uma expressão de raiva e vestindo fralda, deverá sobrevoar inclusive o Trump National Golf Club, em Nova Jersey – local onde o líder norte-americano e sua família costumam passar os fins de semana durante o verão.

Leia também: Balão Trump Baby sobrevoará Londres em protesto à visita do magnata à cidade

Você viu?

"Esse esforço é o nosso compromisso de nos opor a Donald Trump de qualquer maneira que pudermos. É uma oportunidade para estarmos mais perto e para incomodar mais o presidente", afirmou à NBC News  o ativista Jim Girvan, co-criador da página que arrecadou fundos para a campanha. 

Balão Trump Baby sobrevoou Londres

Na semana passada, o prefeito de Londres, Sadiq Khan, e a Polícia Metropolitana Londrina permitiram que o boneco de ar de seis metros sobrevoasse o Parlamento Square Gardens. O voo aconteceu na última sexta-feira. Em entrevista à Rádio 4 , da  BBC , Khan afirmou que a autorização para o voo do boneco de ar foi dada "por fazer parte da história do Reino Unido".

"O senhor pode imaginar se limitássemos a liberdade de expressão porque alguém pode se ofender com algo? Isso faz parte da nossa história, que é tão rica e segura em relação ao direito de protestar. Como prefeito, não devo ser o árbitro do que é de bom ou mau gosto", disse ele.

Leia também: Após fortes críticas, Donald Trump recua e diz confiar em investigação dos EUA

Ainda não há informações sobre as autorizações concedidas aos ativistas norte-americanos para colocar no ar dos EUA o balão Trump Baby

* Com informações da Agência Brasil.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários