Tamanho do texto

O croata Pero Jelenic, de 75 anos, foi atingido por um tiro fatal durante uma caçada no norte da África do Sul; as autoridades estão investigando o caso

O croata de 75 anos foi atingido por um tiro, até o momento de origem desconhecida, enquanto tentava matar um leão
Reprodução/Metro.co.uk
O croata de 75 anos foi atingido por um tiro, até o momento de origem desconhecida, enquanto tentava matar um leão


Um caçador croata foi morto, atingido por um tiro, enquanto tentava matar um leão na província de North West, na África do Sul. De acordo com o portal Daily Mail , o caso aconteceu no último sábado (27).

Leia também: Criança fica presa em escorregador e morre enforcada pela própria camiseta

A mídia local reportou que, naquele mesmo dia, o caçador Pero Jelenic, de 75 anos, já tinha matado um leão e estava em busca da segunda vítima. Foi quando, de maneira até então desconhecida, uma bala atingiu o homem, que foi levado de helicóptero para o hospital mais próximo. Ele chegou a ser atendido, mas, segundo Sabata Mokgwabone, policial da região, não sobreviveu.

Slavko Pernar, amigo de Jelenic, disse que o objetivo do homem era conseguir matar um leão depois que caçara “tudo o que poderia ser encontrado na Europa”. Por isso, ele foi até a África do Sul, onde queria “completar sua coleção de troféus”.

“Durante o último ano, ele alugou seu hotel para se dedicar às coisas que planejava conquistar e desfrutar em sua aposentadoria. Infelizmente, recebeu o pior dos fins: morreu na África do Sul, fazendo o que amava”, lamentou o amigo, que ainda detalhou que o escritório de Jelenic era cheio de "lembranças", como espécies de cervos e ursos encontrados na Croácia e em outros países europeus.

Agora, a polícia abriu uma investigação para descobrir quem atirou em Jelenic. “Um caso de homicídio foi aberto, e as autoridades também estão investigando acusações de posse ilegal de arma e munição”, explicou Mokgwabone. “Até o momento não está claro quem alvejou Jelenic”.

Caçada no Canadá

Em um caso que também envolveu uma caçada,  Richard Wesley, um morador do Canadá, foi atacado pelo urso que planejava capturar. Surpreendentemente, Wesley conseguiu escapar do ataque com vida.  

Em uma gravação do momento, podemos ver Wesley se preparando para atirar no urso, que não havia notado a presença humana nas proximidades. Porém, quando o animal percebe o intruso e começa a se aproximar, o homem falha nas tentativas de gritar para assustá-lo, se atrapalha com o arco e flecha e acaba sendo atacado. 

Leia também: "Tchau, sujeira": Rato é visto tomando banho 'como humano' e choca internautas

Mas, Wesley conseguiu atingir o animal  com seu arco para poder fugir – e ainda registrou que se arrependeu de não ter atirado antes. Por outro lado, não sabemos qual foi o destino do animal. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.