Medidas de contenção da pandemia de Covid-19 estão sendo flexibilizadas na capital mineira
Pixabay
Medidas de contenção da pandemia de Covid-19 estão sendo flexibilizadas na capital mineira

Nesta segunda-feira (19), a Prefeitura de Belo Horizonte (MG) anunciou o retorno das aulas presenciais a partir do dia 26 de abril para crianças de zero a cinco anos e oito meses.

retomada vale para escolas municipais e particulares, segundo a secretária de Educação de Belo Horizonte, Ângela Dalben. Além de seguir o distanciamento social, para a reabertura, pequenos grupos de seis a sete alunos serão formados, e cada um deles terá um professor responsável. O objetivo dessa formação é que, caso uma criança seja infectada, as famílias das outras sejam avisadas imediatamente para maior controle do vírus.

Hoje também foi anunciado que, a partir da próxima quinta-feira (22), o comércio não essencial também será reaberto de segunda a sábado na capital mineira. Salões de beleza abrirão com agendamento de horário; academias poderão funcionar 24 horas; e feiras de rua, museus, galerias, cinemas, teatros e parques de diversão continuarão fechados, mas terão a reabertura avaliada nos próximos 15 dias.

As medidas de contenção da pandemia de Covid-19 estão sendo flexibilizadas na cidade porque, de acordo com o secretário de Saúde de Belo Horizonte, Jackson Machado, houve melhora nos indicadores de controle.

Na ocasião, o secretário disse que a ocupação dos leitos de terapia intensiva está em 81,1% e a ocupação de leitos de enfermaria é de 58,9%, e todos seguem tendência de queda. A média de mortes, que era de 60 por dia em março, agora está na faixa de 27. A fila de pessoas aguardando vaga na UTI é de 36 pacientes, sendo que na última semana eram 228. "A tendência de queda nos números que nos levou a decidir pela reabertura da cidade", disse Machado.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários