Captura de tela do site do Sisu
Reprodução
Captura de tela do site do Sisu

O Ministério da Educação (MEC) informou na noite desta sexta-feira que decidiu prorrogar o fechamento das inscrições no Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Agora, os estudantes terão até as 23h59 da próxima quarta-feira, 14, para se inscrever. Anteriormente, o Sisu se encerraria nesta sexta-feira, às 23h59. Os resultados só serão conhecidos na próxima sexta-feira.

O MEC não informou o motivo da prorrogação. Em comunicado, afirmou que os candidatos já inscritos devem confirmar as suas opções de cursos selecionados no ato da inscrição. "A conferência dessas informações é importante, sobretudo após a inclusão no sistema do Sisu das notas daqueles que fizeram o Enem na condição de privados de liberdade", informa a pasta.

Ainda de acordo com o ministério, os candidatos terão como visualizar as suas classificações parciais nas próximas divulgações de nota de corte, geradas diariamente pelo sistema de inscrição do Sisu.

A data de divulgação do resultado do Sisu também foi alterada para 16 de abril. O novo prazo para a matrícula do registro acadêmico dos selecionados será de 19 a 23 de abri. Quem não for selecionado na chamada única, ainda pode disputar uma das mais de 200 mil vagas ofertadas por meio da lista de espera. O prazo para manifestar interesse em participar dessa última etapa do Sisu será de 16 a 23 d abril.

Mudança no sistema

Assim como no ano passado, o Ministério da Educação (MEC) organizou a apresentação dos dados de forma com que as notas de cortes fiquem artificialmente mais altas, o que, na prática, inutiliza o recurso que baliza a escolha dos candidatos.

Por isso, é provável que as notas de corte desta sexta-feira, último dia de inscrição, sejam menores do que as de amanhã, quando o sistema é fechado. Isso significa, na prática, que alunos que não estavam entre os aprovados no último dia podem conseguir uma vaga.

Em anos anteriores, o sistema não considerava, para a nota de corte, a segunda opção dos candidatos que já estavam sendo selecionados na primeira opção de curso. O modelo novo, no entanto, não faz isso.

Você viu?

"O que gera uma dupla classificação. Ou seja, um mesmo candidato ocupa temporariamente duas vagas, gerando algo como uma “classificação fantasma”. Isso ocorre pois, ao sair o resultado, caso o candidato seja aprovado em sua primeira opção, ele desaparecerá da lista de classificados da sua segunda opção, fazendo com que outros candidatos em posições inferiores durante as prévias ganhem várias colocações no momento do resultado da chamada regular", explica Frederico Torres, coordenador do Colégio Pódion e especialista em Sisu.

Um dos alunos de Torres terminou o último dia do Sisu de 2020 na 83ª posição. Com o fechamento do sistema — e, portanto, a saída da lista de quem colocou aquele curso como segunda opção — ele subiu para a 43ª. O problema é que é impossível prever quantas classificações fantasmas estão à frente do candidato.

Cronograma

  • Inscrições: de 6 a 14 de abril;
  • Resultado da chamada única: 16 de abril;
  • Matrícula ou registro acadêmico: de 19 a 23 de abril;
  • Manifestar interesse em participar da lista de espera: de 16 a 23 de abril.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários