Tamanho do texto

Ir bem na redação é fundamental para conquistar uma boa nota no Exame Nacional do Ensino Médio

Faltam poucos dias para a prova do Exame Nacional do Ensino Médio, que acontece nos próximos dias 4 e 11 de novembro. Nestes últimos dias os estudantes costumam revisar as matérias, fazer simulados e treinar para a redação do Enem.

Leia também: Assista aulão do ENEM e prepare-se para a prova mais importante do ano

Aliás, a redação do Enem  é uma das partes do exame que mais desperta a ansiedade e preocupa os concorrentes. Isso tudo porque tem um peso importante na composição da nota e também porque o tema só é desvendado no dia da prova. Ou seja, os argumentos tem que ser pensados na hora para escrever o texto.

Os alunos precisam estudar os possíveis temas da redação do Enem para estarem minimamente preparados
shutterstock
Os alunos precisam estudar os possíveis temas da redação do Enem para estarem minimamente preparados

Mas, mesmo sem saber de antemão qual é o tema da redação, é possível se preparar para desenvolver um bom texto, seja qual for o assunto. O segredo está na preparação, basta seguir alguns passos importantes para alcançar a tão sonhada nota 1000.

A professora Gisele Lemos, da plataforma de ensino a distância Stoodi , reuniu uma série de dicas para ajudar os estudantes que irão prestar o Enem a desenvolver uma redação que pode atingir a nota máxima.

O primeiro ponto destacado pela professora Gisele é a compreensão da proposta de redação. “A proposta de redação do Enem é sempre um problema social e o que se espera é que o candidato saiba discutir sobre esse problema, trazendo argumentos, defendendo um ponto de vista e, principalmente, apresentar uma proposta de intervenção ou possível solução para o problema.”

Para isso, é preciso ficar atento à frase temática apresentada para a redação e usar de forma consciente os textos de apoio que são trazidos para a produção do seu texto. Esses textos irão apresentar notícias recentes e também pontos importantes da legislação nacional para auxiliar no desenvolvimento do seu texto.

A partir da compreensão da frase temática, que pode ser feita por meio da escolha de palavras-chave que irão guiar a criação do seu texto, é preciso debater o tema proposto, identificá-lo como um problema e pensar em possíveis soluções para ele.

Competências da redação do Enem

Outro ponto importante destacado pela professora Gisele é a adequação aos critérios de correção da redação do Enem . O texto é corrigido por dois corretores, que seguem cinco critérios ou competências para chegar a uma nota final para o seu texto. Cada uma dessas competências vale 200 pontos.

Na 1ª competência, é preciso se atentar à linguagem utilizada no desenvolvimento do seu texto. Ela precisa ser formal e respeitar a norma culta da língua portuguesa. “Seu vocabulário precisa ser claro, preciso e objetivo para defender os seus posicionamentos em relação a esse tema.”

Já na 2ª competência, você precisa respeitar o tema e o gênero da redação. Ou seja, desenvolver o conteúdo de acordo com o tema apresentado para a redação, seguindo o gênero textual solicitado, uma dissertação-argumentativa. Ou seja, você precisa deixar claro que tem uma tese, um posicionamento frente a esse tema.

O segredo de ir bem na redação do Enem é seguir as competências exigidas
shutterstock
O segredo de ir bem na redação do Enem é seguir as competências exigidas

Na 3ª competência você precisa fazer uma seleção dos seus argumentos. Nesse momento, entra em cena o projeto de texto, ou seja, é preciso deixar claro para o avaliador que você planejou o texto. O texto precisa estar interligado em todos os seus parágrafos, para debater de forma coerente o tema apresentado.

A professora Gisele destaca ainda a importância do repertório sociocultural. “Elementos da própria sociedade que serão trazidos para o texto para provar os seus argumentos. Podem ser fatos históricos, exemplos do cinema, referências a obras literárias e atualidades com a fonte da notícia.”

A 4ª competência trata de recursos de coesão, ou seja, usar conectivos, palavras que liguem as suas frases dentro do texto. Estão incluídos aí tanto os períodos quanto os parágrafos do texto.

Para finalizar, a 5ª e última competência é o que difere a redação do Enem de outras provas. É preciso apresentar uma proposta de intervenção, uma possível solução para o problema apresentado ao longo do texto.

“Para garantir que você tire 200 pontos nessa última competência, garantindo 1000 pontos na redação do Enem , você não deve apresentar diversas propostas. Apresente apenas uma proposta e desenvolva esses elementos importantes: apresente a ação, qual será o agente, quais os meios usados para solucionar o problema e, por fim, a finalidade dessa ação”, conclui a professora Gisele.

    Leia tudo sobre: ENEM
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.