Tamanho do texto

Cadastro pode ser feito por professores da rede pública estadual e municipal e servidores públicos do Poder Executivo federal; saiba como fazer inscrição

As inscrições devem ser feitas pela pelo site do Inep e, para participar, é preciso fazer um curso de capacitação a distância
shutterstock
As inscrições devem ser feitas pela pelo site do Inep e, para participar, é preciso fazer um curso de capacitação a distância

Estão abertas as inscrições para participar como certificador do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O cadastro pode ser feito até às 23h59 do dia 7 de agosto. As vagas podem ser ocupadas por servidores públicos do Poder Executivo federal e professores que atuam na rede pública estadual e municipal.

Leia também: Veja como participar da correção das redações do Enem 2017

Para fazer o cadastro, é preciso acessar o portal do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) , responsável pela prova do Enem , ou usar o aplicativo da Rede Nacional de Certificadores (RNC).

De acordo com o Inep, os certificadores ficam atentos às situações de risco. Entre as responsabilidades estão observar o recebimento, integridade, guarda e abertura dos malotes com as provas. Conferir os procedimentos de aplicação como a capacitação dos aplicadores no dia do exame e o início das provas também são tarefas a serem realizadas por esses funcionários.

Apesar da exigência do cargo público, não é preciso ter nível escolar além do que o ensino médio. Participantes das edições anteriores que tiverem interesse em atuar novamente também devem fazer o mesmo procedimento de inscrição que os demais.

Remuneração

Os servidores públicos do Poder Executivo federal serão remunerados por meio de Gratificação por Encargo de Cursos e Concursos (Gecc), ganhando R$ 26,50 por hora trabalhada.

Já os professores receberão R$ 318 por dia por meio de Auxílio Avaliação Educacional (AAE), que é o mesmo que o servidor público do Executivo federal receberia se atuasse por 12 horas, como é o caso.

Leia também: Conheça os segredos para se sair bem na redação do Enem

Normas

Entre as regras, é preciso que os candidatos servidores não estejam afastados legais ou inativos. Não é possível também ter parentes de até terceiro grau inscritos no Enem 2017. Já os professores, que devem ser docentes das redes públicas estaduais e municipais, precisam ser efetivados e devidamente registrados no censo escolar.

Para atuar na RNC, é preciso ter smartphone ou tablet com acesso próprio à internet móvel e se adequar às especificações detalhadas no edital. É necessário fazer um curso de capacitação a distância – oferecido pelo Inep-, por isso, outro requisito é ter acesso fácil a um computador. Só serão aceitos aqueles que conseguirem aproveitamento mínimo no curso.

Enem

Nesta edição, o Enem será aplicado nos dias 5 e 12 de novembro, dois domingos. A prova de redação será realizada no primeiro dia, quando também serão feitas os exames de Linguagem, Códigos e suas Tecnologias e Ciências Humanas e suas Tecnologias. No segundo dia os alunos enfrentaram as questões de Matemática e Ciências da Natureza e suas Tecnologias.

Leia também: Em Portugal, Inep fortifica parcerias com universidades que aceitam Enem

    Leia tudo sobre: Enem