Evento acontecerá entre os dias 12 e 15 de novembro
Rio das Ostras Jazz & Blues Festival
Evento acontecerá entre os dias 12 e 15 de novembro

Começa hoje (4), a partir do meio-dia, a retirada dos ingressos para o 17º Rio das Ostras Jazz & Blues Festival, maior evento gratuito de jazz e blues da América Latina, que acontecerá de 12 a 15 deste mês, no município de Rio das Ostras, na região fluminense das Baixadas Litorâneas. Hoje, serão liberados ingressos gratuitos para o primeiro dia do festival, que funcionará como um evento-teste no estado, no período de flexibilização das medidas para conter a pandemia de covid-19.

Para os outros dias do festival, os ingressos serão liberados a partir desta sexta-feira (5) até domingo (7), cada dia dedicado a uma data da programação. Será permitida a retirada de um ingresso por CPF, por show; deverão ser retirados ingressos diferentes para cada dia de evento; é obrigatória a apresentação do ingresso impresso na entrada do evento, junto com a carteira de imunização com as duas doses da vacina contra a covid-19 e documento com foto.

Para garantir o ingresso gratuito, os interessados devem acessar o site do festival. O sócio-diretor da Azul Produções Artísticas, a produtora do evento, Stênio Mattos, disse à Agência Brasil que serão seguidas todas as normas sanitárias recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS):

“Nossos protocolos foram aprovados pelo Ministério da Saúde e pela Secretaria de Estado de Saúde. Apesar da flexibilização, vamos manter protocolos rígidos. Ou seja, vamos exigir o cartão de vacinação com duas doses da vacina contra a covid-19, que a pessoa use máscara, e vamos reduzir o público, que normalmente é de 20 mil pessoas. Vamos colocar 6 mil pessoas sentadas em cadeiras, com um metro de distância entre cada uma."

As áreas de shows serão cercadas com barreiras. O público deverá fazer credenciamento antecipado.As medidas de segurança incluem ainda uso de medidor instantâneo de temperatura em todos os acessos; estrutura médica; pontos de álcool gel nas áreas comuns; disponibilização de lixeira com dispositivo que permita a abertura e o fechamento sem o uso das mãos; e divulgação de regras de higiene de acordo com as normas da OMS, nos intervalos dos shows.

Atrações

Mais de 30 atrações nacionais e internacionais marcarão a retomada das atividades do Rio das Ostras Jazz & Blues Festival, que contabiliza cerca de 1 milhão de espectadores em seus 16 anos de atividade. Os artistas se apresentarão em palcos localizados na Lagoa de Iriry e Costazul.

Eric Gales é a grande atração do Rio das Ostras Jazz & Blues Festival 2021
Divulgação

Eric Gales é a grande atração do Rio das Ostras Jazz & Blues Festival 2021

Eric Gales, um dos maiores guitarristas do mundo, é a atração principal do Rio das Ostras Jazz & Blues Festival e fará dois shows. Ele se mostrou animado para o retorno dos espetáculos presenciais no Brasil. “Mal posso esperar para voltar ao Brasil. Uma artista que sempre foi uma inspiração para mim é Cássia Eller, cuja obra pude conhecer durante a minha primeira turnê no país. Neste momento de retomada, só posso dizer: Rio das Ostras, estamos chegando com tudo”, afirmou o músico.

Eric se apresentará nos dias 13 de novembro, fechando a noite no palco Costazul, e 15 de novembro, no palco Iriry, às 14h.Do lado nacional, o destaque é para a banda Azymuth, em parceria inédita com o DJ Nuts. Com mais de 30 álbuns em sua discografia e apresentações pelo mundo, o trio Azymuth traz um combinado de soul, funk, jazz e samba, ou "samba doido” como gostam de chamar, para o festival.

Leia Também

Em parceria com o DJ Nuts, uma das referências do segmento no Brasil e no exterior, os músicos prometem trazer muitos clássicos no dia 12 de novembro, no Palco Costazul. “Tocar nesse evento é gratificante para nós. Será uma volta maravilhosa depois de tanto tempo, que só é possível graças à vacina”, disse Ivan Conti, baterista do Azymuth.

Outros nomes confirmados para esta edição do evento são Jon Cleary, Roosevelt Collier, Delvon Lamarr, Keith Dunn, Chris Potter, Hamilton de Holanda, Nico Rezende e Lancaster. A programação completa pode ser conferida no @rostrasjazzblues .

Turismo

A cidade de Rio das Ostras já está lotada de visitantes, informou Stênio Mattos. Segundo ele, a ideia do festival sempre foi ativar a economia local, alavancar o turismo e a imagem do município, sem esquecer os projetos sociais. Este ano, devido à pandemia de covid-19, não haverá palestras e oficinas com músicos e profissionais da área cultural. Quatro novas bandas musicais de Rio das Ostras tocarão nos palcos, abrindo os shows todas as noites.

Para incrementar o evento, foi acrescido um dia de apresentações musicais, totalizando quatro dias de festival. Durante o período, Rio das Ostras atinge 100% de taxa de ocupação hoteleira, o mesmo ocorrendo com as cidades vizinhas de São João da Barra e Casimiro de Abreu. O festival é certificado com o Selo Turismo Responsável e conta com o apoio do Ministério do Turismo, do governo fluminense, por meio da Lei de Incentivo à Cultura e de suas secretarias de Cultura e Turismo, bem como da prefeitura e da Secretaria de Turismo de Rio das Ostras.

Uma das características do Rio das Ostras Jazz & Blues Festival é oferecer gratuitamente música de qualidade, democratizando o acesso a um bem cultural e tendo como meta gerar o menor impacto ambiental possível, além de estimular a inclusão social e a geração de emprego e renda. O festival oferece ainda acessibilidade em todos os palcos para portadores de deficiência e dispõe de coleta seletiva do lixo.

Nas edições anteriores, o evento foi neutro em carbono, pois todas as emissões de gases de efeito estufa geradas no período foram quantificadas e compensadas com o plantio de mais de 3 mil mudas de árvores nativas nas áreas de preservação ambiental do município.

Dada à sua importância cultural, turística, social e econômica para a cidade de Rio das Ostras e toda a região da Costa do Sol, o festival faz parte do calendário oficial de eventos do estado do Rio desde setembro de 2011.

Transmissão

O festival será transmitido ao vivo pela Rádio MEC, emissora da Empresa Brasil de Comunicação (EBC). Este será o quinto ano que o evento tem transmissão pela Rádio MEC do Rio, informou o gerente da emissora, Thiago Regotto.

Drop here!

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários