Aline Macedo
Aline Macedo
Aline Macedo

A UFRJ pode receber R$ 30 milhões da  Alerj para investir no desenvolvimento de pesquisas sobre a produção de fertilizantes no Parque Tecnológico da universidade. Os recursos viriam da economia do orçamento da Assembleia. O anúncio foi dado pelo presidente da Casa, André Ceciliano (PT), e ocorreu nesta quarta-feira (23), em um painel on-line, realizado pelo Fórum da Alerj de Desenvolvimento Estratégico do Estado do Rio de Janeiro, sobre o papel do estado na retomada da indústria de fertilizantes.

A intenção de Ceciliano é apresentar aos colegas, já na próxima terça-feira (29), um projeto para criar o Plano Estadual de Fertilizantes, de forma a diminuir a dependência dos insumos importados.

Para dar lugar ao centro de pesquisa, um prédio desativado do Parque Tecnológico da UFRJ deve ser reformado.


Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários