Crusoé

As acusações contra Aung San Suu Kyi: apertos de mão e importação de walkie-talkies
O Antagonista
As acusações contra Aung San Suu Kyi: apertos de mão e importação de walkie-talkies

Após dar um  golpe de estado na madrugada da última segunda-feira (1°), as autoridades de Mianmar anunciaram as acusações contra a ex-conselheira estatal Aung San Suu Kyi (foto), prêmio Nobel da Paz, e contra o ex-presidente Win Myint, ambos detidos.

Um documento da polícia divulgado nesta quarta, 3, afirma que uma vistoria feita na casa de Aung San Suu Kyi encontrou trinta aparelhos walkie-talkie , os quais não tinham permissão para serem importados ou para serem usados. Ela ficará detida preventivamente durante duas semanas enquanto ocorre a investigação.

Aung San Suu Kyi também é acusada de cumprimentar pessoas com a mão durante a pandemia. Com isso, ela teria desobedecido a lei de emergência para desastres naturais. A mesma acusação foi levantada contra o presidente deposto, Win Myint.

Não é surpreendente ver essas acusações. Os militares tentarão encontrar quaisquer acusações possíveis contra Aung San Suu Kyi e outros membros do governo anterior da Liga Nacional pela Democracia. Eles precisam mostrar algo ao povo de Mianmar e à comunidade internacional “, diz o cientista político americano Nehginpao Kipgen, nascido em Mianmar , diretor-executivo do Centro de Estudos Asiáticos da Universidade Global Jindal, na Índia. “ Os militares não se importam muito se as pessoas concordam ou não com essas acusações .”

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários