Tamanho do texto

2016 com certeza ficará na história do Miss Brasil. O evento que aconteceu em São Paulo apresentou 27 candidatas de todo Brasil, sendo 6 delas negras. O maior número na história do concurso. Raissa Santana, Miss Paraná 2016, levou a coroa, quebrando um jejum de 30 anos.

A coroa é nossa! Raissa Santana (Miss Brasil 2016) e Monalysa Alcântara (Miss Brasil 2017)
Divulgação
A coroa é nossa! Raissa Santana (Miss Brasil 2016) e Monalysa Alcântara (Miss Brasil 2017)

Em um país com mais da metade da população negra, em 61 anos de concurso, só uma negra tinha sido eleita Miss Brasil. Isso mesmo, a primeira foi a gaúcha Deise Nunes em 1986. O período de 30 anos foi quebrado com o título dado à Raissa Santana em 2016. Em 2017 (pela segunda vez consecutiva), uma negra venceu o concurso: Monalysa Alcântara. 

Leia também: Casamento do príncipe Harry foi marcado por representatividade negra

A gaúcha Deise Nunes foi a primeira negra a conquistar o título de Miss Brasil, em 1986
Divulgação
A gaúcha Deise Nunes foi a primeira negra a conquistar o título de Miss Brasil, em 1986

Esse ano, chegou a vez de Monalysa Alcântara conhecer a sua sucessora. Prepare-se para assistir a um concurso empoderado onde pela segunda vez consecutiva uma negra passará a coroa de Miss Brasil. Em um universo onde lamentavelmente ainda existe racismo, poucas mulheres negras conseguiram driblar o preconceito.  

 Leia também: Show de bola: Neymar é o jogador mais pop na Internet

Em 2016, seis negras disputaram o título. O maior número na história do Miss Brasil
Divulgação
Em 2016, seis negras disputaram o título. O maior número na história do Miss Brasil

Em 2018, contaremos com apenas duas candidatas negras. “Eu acho a Raissa Santana maravilhosa”, suspira Tatiele Silva, 19 anos, a Miss Tocantins 2018, formada em Educação Física. A Miss Bahia 2018 Maria Isabel concorda: “Uma mulher bonita precisa se aceitar do jeito que ela é”, frisa a modelo, dona de medidas perfeitas.

 Leia também: Garoto vira sensação da Internet com cabelo black power e looks estilosos

A Miss Bahia Maria Isabel sonha ser a sucessora da Miss Brasil Monalysa Alcântara
Divulgação
A Miss Bahia Maria Isabel sonha ser a sucessora da Miss Brasil Monalysa Alcântara

Uma coisa é certa: 2016 ficará para história do Miss Brasil. O evento apresentou o maior número de candidatas negras na história do concurso. E uma delas foi a vencedora! Amanhã, vamos torcer para a Miss Bahia ou a Miss Tocantins, assim como Deise Nunes, Raissa Santana e Monalysa Alcântara, faturarem a faixa e a tão cobiçada coroa de Miss Brasil.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.