Tamanho do texto

Atriz e cantora é destaque em espetáculo que homenageia uma das maiores intérpretes de todos os tempos

Vanessa Jackson homenageia Whitney Houston em musical
Divulgação
Vanessa Jackson homenageia Whitney Houston em musical

A atriz e cantora Vanessa Jackson está em cartaz com o espetáculo que homenageia Whitney Houston. No dia em que a cantora completaria 54 anos de vida, entrevistamos Vanessa para falar sobre os desafios de interpretar uma das vozes femininas mais importante dos últimos tempos, em um momento de tanta referência à mulher negra e empoderada. "Na época eu fui assistir o musical e conheci o Rafael Mello (Diretor) e disse que sempre tive vontade de fazer esse musical da Whitney Houston, ai logo depois, em uma nova temporada do espetáculo, recebi o convite do Rafael e eu prontamente aceitei, pelo fato de ser muito fã da Whitney", revela a artista. "Sempre pesquisei e busquei muito sobre a cantora. Me sinto lisonjeada".

Leia também: Karol Conka, empoderada, autêntica e atrevida

Vanessa Jackson brilha no show
Divulgação
Vanessa Jackson brilha no show "Uma Saudação à Whitney Houston"

Protagonista do maior show da América Latina em homenagem à Diva pop "Uma Saudação à Whitney Houston", Vanessa Jackson, 35 anos, conta que desde criança já cantava o repertório da artista: "Whitney é referência. É um prazer muito grande interpretar essa cantora magnífica. Ficava imitando Whitney Houston quando era criança. Então, pra mim, tem sido muito gratificante participar desse espetáculo. Eu sou fã dela desde os meus 12 anos, e a minha adolescência inteira eu cantei os seus sucessos. Cada música dela me faz lembrar momentos na minha vida. É muito gratificante e prazeroso hoje poder fazer parte dessa homenagem".

Leia também: No ritmo do samba. As raízes do gênero musical

Vanessa Jackson iniciou a carreira participando do programa Fama, da Rede Globo
Divulgação
Vanessa Jackson iniciou a carreira participando do programa Fama, da Rede Globo

Whitney Houston é a artista feminina mais premiada de todos os tempos. Ao longo de quase trinta anos de estrada, vendeu mais de 200 milhões de discos em todo mundo, faturando sete prêmios Grammy e o reconhecimento de sua arte mundialmente. "Dar a voz a uma artista com uma obra tão referencial é muito difícil, pois Whitney, é sem dúvida uma das cantoras mais importantes do mundo e com um timbre ímpar, um desafio que tem sido uma delícia de fazer", frisa Vanessa Jackson.

Leia também: A "luta" continua...

Duas mulheres, de gerações diferentes, mas com vários paralelos

Em suas canções Whitney fala sempre de espiritualidade, poder feminino, força e superação. Ela iniciou a carreira cantando nos corais de igreja e enfrentou vários desafios até alcançar o auge em 1992, com o lançamento de "O Guarda Costas". Vanessa, não foge à regra, iniciou a carreira cantando em festas até receber o convite para participar do programa Fama, da Rede Globo, que lhe rendeu mais visibilidade. "Tudo o que eu aprendi no Fama, até resgatando, bem antes, quando eu fiz Conservatório Beethoven (onde estudei canto lírico), aos 12 nos, e mais tarde aos 20 quando participei do reality, todas as técnicas que aprendi nesses lugares eu trago hoje comigo. Isso me ajuda muito e eu faria tudo de novo", comenta Vanessa, feliz com a repercussão do novo trabalho.

Leia também: Oprah Winfrey, a afro-americana mais rica do mundo

O espetáculo Uma Saudação à Whitney Houston já foi assistido por mais de 60 mil pessoas
Divulgação
O espetáculo Uma Saudação à Whitney Houston já foi assistido por mais de 60 mil pessoas

O espetáculo já foi assistido por mais de 60 mil pessoas, passando pela Suíça, Rio de Janeiro, São Paulo, Recife, Natal, Fortaleza, Belém, Salvador e Belo Horizonte. "Me sinto feliz e lisonjeada. O espetáculo Uma Saudação à Whitney Houston é uma realização pessoal. Estou muito feliz com o retorno e o carinho do público".

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.