sol
WSU
Ondas de calor mortais devem ser mais frequentes nos próximos anos

O serviço de mudança climática Copernicus (C3S) informou nesta terça-feira (5) que o ano de 2020 teve o mês de abril mais quente já registrado no mundo.

De acordo com o Copernicus, o programa de observação da Terra da União Europeia (UE), as temperaturas mundiais do quarto mês deste ano foram "globalmente iguais" que as registradas em abril de 2016, até então o mais quente.

Leia também: Contágio em sauna na China aponta que Covid-19 resiste a alta umidade e calor

"As temperaturas estavam particularmente acima da média na Eurásia central e do norte e em algumas áreas da Groenlândia e na Antártica, mas significativamente abaixo da média em grandes áreas da América do Norte. As temperaturas na Europa eram bem acima da média em vários países ocidentais, mas abaixo da média nas áreas do nordeste", informou o Copernicus.

O serviço europeu ainda confirmou que abril de 2020 teve uma temperatura média inferior de apenas 0,01°C a 2016, até então o mais quente já registrado.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários