undefined
Reprodução/cnwest
Imagens do panda marrom foram feitas no dia 11 de março, em uma floresta de bambus próxima à reserva nacional

Um panda marrom foi fotografado pela primeira vez na província de Shaanxi, no noroeste da China. De acordo com o Daily Mail , o animal selvagem extremamente raro foi visto no início deste mês, rompendo com a ideia de que só existia um panda vivo com essas características no mundo.

Leia também: Ao menos 22 pessoas são comidas vivas em "surto" de ataques de tigres na Índia

Ainda segundo o jornal, as imagens do panda marrom foram feitas no dia 11 de março, em uma floresta de bambus próxima à Reserva Nacional de Changqing, onde o outro raro animal vive. Funcionários da reserva ambiental acreditam que o “novato” seja um adulto gigante e saudável.

O panda marrom

undefined
Reprodução/He Xin
O primeiro panda de coloração marrom foi batizado de Qizai; ele vive em reserva ambiental chinesa desde os dois meses

Os cuidadores do local expuseram que a aparição do panda foi uma surpresa para eles, uma vez que costumam viver em florestas no topo de montanhas, e não em áreas tão baixas como a que foi visto. Eles alegam que os pandas só se deslocam de seus habitats para locais com menor altitude quando estão em busca de um parceiro para a temporada de acasalamento.  

Por serem raros e de difícil identificação, cientistas ainda não conseguiram informações concretas acerca da aparência diferenciada, mas especulam que seja causada por mutações genéticas. De acordo com o especialista em pandas Pan Shiwen, no total, a espécie foi vista somente nove vezes nas montanhas Qinling pelas autoridades da província.

Leia também: Maior cobra do mundo engole cervo de 30kg e garante alimento para o ano inteiro

O especialista relembra que o primeiro panda de coloração marrom foi encontrado nas proximidades do distrito de Changqing. Batizado de Qizai, o qual pensavam ser o único panda marrom vivo em todo o mundo, ele foi abandonado pela mãe na selva quando tinha cerca de dois meses.

O cuidador de Qizai, He Xin, diz que o animal pesa mais de 100 kg e come cerca de 20 kg de bambu todos os dias. Ele ressalta que pandas com essa coloração em específico costumam apresentar diferenças, principalmente se levado em consideração a região onde vivem.

Leia também: Cientistas descobrem motivo por trás de "mistério" da leoa que desenvolveu juba

"Acredita-se que a província de Sichuan, no sudoeste da China, seja o lugar dos pandas gigantes, enquanto que na região de Sichuan pode-se encontrar pandas com pelos mais claros, alguns deles tem até pelo marrom ao redor da barriga. Mas de qualquer forma, o panda marrom com a coloração mais acentuada já encontrado continua sendo Qizai”, concluiu.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários