Baleia de quatro patas
Redes sociais/SABC News
Baleia de quatro patas

Cientistas egípcios identificaram uma espécie desconhecida de baleia de quatro patas, que teria vivido há cerca de 43 milhões de anos. O fóssil do anfíbio Phiomicetus anubis foi descoberto no deserto ocidental do Egito.

Os pesquisadores estimam que os animais da espécie tinham um comprimento de aproximadamente três metros e 600 quilos de massa, segundo informações da Reuters . Ele foi analisado por cientistas da Universidade de Mansoura.

O Phiomicetus anubis tinha mandíbulas fortes o suficiente para capturar suas presas, de acordo com o estudo publicado pelo "Proceedings of the Royal Society B" na quarta-feira (25). A baleia tinha a capacidade de andar na terra e nadar na água. 

Cientistas acreditam que o Phiomicetus anubis seja o tipo mais antigo de baleia semi-aquática descoberto na África.


Segundo Mohamed Sameh, da Agência Egípcia de Assuntos Ambientais e coautor do estudo, o antepassado das baleias e dos golfinhos era um animal terrestre que passou da terra para o mar há cerca de 50 milhões de anos, implicando em transformações anatómicas, morfológicas e comportamentais.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários