Tamanho do texto

A Hayabusa2 foi lançada em 2014 e alcançou o asteroide, distante cerca de 300 milhões de quilômetros da Terra, em junho do ano passado

Sonda arrow-options
Reprodução/Twitter
Pousos da sonda tinham como objetivo coletar amostras de rochas, inclusive sob a superfície

A Agência de Exploração Aeroespacial do Japão (Jaxa) informou que sua sonda está voltando para a Terra após deixar o asteroide Ryugu.

Leia também: Joice pede postura ao PSL e ataca governo: "Repete mentira até que vire verdade"

A Hayabusa2 foi lançada em 2014 e alcançou o asteroide , distante cerca de 300 milhões de quilômetros da Terra, em junho do ano passado. Ela foi bem-sucedida, em uma missão sem precedentes de pousar duas vezes. Os pousos tinham como objetivo coletar amostras de rochas, inclusive sob a superfície.

Segundo a Jaxa , houve a confirmação da partida da sonda , após a ignição dos motores às 10h05 desta quarta-feira (hora de Tóquio).

A agência espacial japonesa também divulgou uma imagem do Ryugu , fotografada pela Hayabusa2 a 20 quilômetros de altura da superfície.

A partir de 20 de novembro, a sonda vai passar cerca de duas semanas fazendo testes de operação de seus motores de íons que a trarão de volta à Terra.

Leia também: "Quem comete crime deve ser exemplarmente punido", diz Flordelis em postagem

A Jaxa declarou que planeja fazer com que, em novembro ou dezembro do próximo ano, a Hayabusa2 desconecte uma cápsula de reentrada que deve conter amostras de rochas. Posteriormente, a cápsula será recolhida no estado da Austrália do Sul.