Deslizamento de terra em Angra dos Reis
Reprodução - 02.04.2022
Deslizamento de terra em Angra dos Reis

Cinco pessoas morreram por causa da chuva em Angra dos Reis, segundo o município. Seis pessoas seguem desaparecidas, de acordo com familiares. Todas as vítimas foram encontradas no bairro Monsuaba, onde foram registrados 655 mm de chuva em 48 horas. Lá, pelo menos quatro residências foram atingidas por deslizamentos de terra.

Os mortos são três crianças de, aparentemente, 4, 9 e 11 anos, e dois adultos por volta de 35 e 60 anos, segundo a Prefeitura de Angra. A Defesa Civil foi acionada e cinco pessoas foram resgatadas - três pelos bombeiros e duas pelo SAMU. Todas foram levadas ao Hospital de Japuíba.

Angra dos Reis está em alerta máximo devido ao volume histórico de chuva registrado nos últimos dois dias. Pela primeira vez, o volume de água atingiu 655 milímetros no continente, e 592 milímetros na Ilha Grande. A prefeitura da cidade afirma que, no momento, todo o contingente da Defesa Civil, acompanhado de profissionais de diferentes áreas do governo municipal, encontra-se nas ruas, para prestar apoio à população.

Todas as 28 sirenes do sistema de alerta, distribuídas em 20 blocos, que abrangem as áreas de risco, soaram durante a madrugada, para alertar moradores sobre a possibilidade de deslizamentos e alagamentos.

A Prefeitura está disponibilizando abrigos para as pessoas que precisam deixar suas casas. No momento, 19 pessoas encontram-se em abrigos, localizados em unidades da rede municipal, recebendo apoio da secretaria de Educação e da Assistência Social. Todas as escolas da rede estão mobilizadas e prontas para atender à população, de acordo com as necessidades indicadas pela Defesa Civil.

Deslizamentos de terra ocasionaram a obstrução da BR 101 no sentido Rio de Janeiro . A RJ 155 também está fechada à circulação de veículos na altura dos túneis. A Defesa Civil pede que as pessoas permaneçam em casa e só saiam em caso de orientação pelas sirenes ou de técnicos que estão nas ruas.

BR 101 interditada

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a Rodovia Rio-Santos (BR 101) segue com vários pontos de interdição parcial e total, devido a deslizamentos e alagamentos diante do elevado volume de chuvas, que seguiu forte na madrugada. Confira alguns pontos de interdição, que ainda não têm previsao de liberação:

km 420,2 – Queda de Árvore (Mangaratiba) interdição parcial

km 426,5 – Queda de Árvore (Mangaratiba) interdição parcial

Leia Também

Leia Também

km 426 – Queda de barreira (Mangaratiba) interdição parcial

km 444 - Queda de Árvore (Mangaratiba) interdição parcial.

km 453 - Queda de árvore (Angra dos Reis) PARE/SIGA, sem filas.

km 459 - Queda de barreira, parcialmente liberado, ambos os sentidos.

km 529 - Parcial (Paraty) sentido crescente.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. 



    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários