Bolsonaro gastou ao menos R$ 1,8 milhão com férias de fim de ano
Reprodução
Bolsonaro gastou ao menos R$ 1,8 milhão com férias de fim de ano

As férias do presidente Jair Bolsonaro (PL) no final do ano passado continuam a gerar polêmica. Desta vez, a informação é de que o presidente gastou, ao menos, R$ 1,8 milhão com os passeios de fim de ano no Guarujá e Santa Catarina. Antes, se acreditava que o  valor era de cerca de R$ 900 mil.

Porém, nesta sexta-feira (25), após requerimento do deputado federal Elias Vaz (PSB), o gabinete da presidência informou que ambas as viagens, para o Guarujá e Santa Catarina, somaram o valor de R$ 1,8 milhão, isso sem contar as despesas com os voos da FAB.

Segundo o documento divulgado, a viagem para o litoral paulista custou R$ 922.689,30 aos cofres públicos, enquanto a viagem a Santa Catarina totalizou R$ 899.374,60.

Polêmica 

Bolsonaro chegou à cidade litorânea de São Francisco do Sul no dia 27 de dezembro e ficou lá até a madrugada do dia 3 de janeiro, quando precisou antecipar o fim das férias e ir para São Paulo tratar uma obstrução intestinal, causada pela alimentação na praia. Ele retornou a Brasília no dia 4 de janeiro.

O período da viagem coincidiu com os dias de fortes temporais na Bahia, que causaram destruição e mortes em várias cidades do estado. O presidente foi criticado por não ter interrompido o descanso para sobrevoar as áreas atingidas.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários