João Doria (PSDB), governador de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo/Divulgação
João Doria (PSDB), governador de São Paulo

O governador de São Paulo, João Doria, afirmou nesta sexta-feira (7) que não vai autorizar a realização de festas fechadas durante o carnaval. Ricardo Nunes, prefeito da capital paulista, anunciou na última quinta-feira (6) o cancelamento de desfiles e blocos de rua. 

Em seu pronunciamento, Nunes não impôs restrições para desfiles no sambódromo de São Paulo e nem para eventos privados. Doria afirmou que o Comitê Científico do estado ainda está avaliando a realização do evento no local.

“Com relação a aglomerações em locais fechados para o carnaval o governo do estado de São Paulo não autorizará, em nenhum município poderemos ter festas de salão, ou em áreas fechadas e nem manifestações de rua, carnaval de rua. Este ano não, vamos deixar para o ano de 2023, em ambientes fechados e abertos também. Não são permitidas festas nem em salões nem em centros de convenções, centros de eventos”, disse Doria.

Durante coletiva em Jaguariúna, o governador disse que os próximos passos dependem do avanço da variante Ômicron e que o tema pode ser revisto em todo o estado.

Mesmo que a deliberação dependa da prefeitura de cada município, as cidades não podem descartar as medidas restritivas implementadas pelo governo do estado.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários