Artur Franklin de Sousa Lima
Reprodução/Redes Sociais
Artur Franklin de Sousa Lima

Artur Franklin de Sousa Lima, 32, foi preso, nesta quarta-feira (22/12), dentro de um avião no aeroporto de Jericoacoara, a cerca de 300 km de Fortaleza. Ele já havia clonado o  cartão de crédito da apresentadora Maria das Graças Meneghel, a Xuxa , em outubro de 2008.

No avião, estava acompanhado de Klanna Ivy Cunha Amorim, 21. Ambos foram alvo de uma operação das polícias do Ceará e de São Paulo, em que investigam fraudes contra instituições financeiras. A estimativa é que o crime causou prejuízo de mais de R$ 200 mil.

Em suas redes sociais, Arthur publicava fotos em praias e hotéis de luxo. Ele também se tornou alvo da Operação Valentina, deflagrada pela Polícia Federal do Ceará em 2017, para investigar uma quadrilha que invadia contas bancárias.

De acordo com a Polícia Civil, a operação perseguiu o casal na última segunda-feira (20/12), mas eles fugiram de Fortaleza para Jijoca de Jericoacoara e pretendiam ir para São Paulo. Os suspeitos portavam diversos cartões bancários, documentos falsos e R$ 9 mil em dinheiro, além de uma pistola e um revólver que foram apreendidos.

Artur já foi preso pela Polícia Federal em 2017 por crime cibernético, fraude e formação de quadrilha. Ele e Klanna foram transferidos para a Delegacia de Acaraú, a 62 km do aeroporto, onde também foram autuados pelo uso de documentos falsos.

As informações são do jornal Metrópoles .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários