Ministério da Ciência e Tecnologia quer incentivar centros de inovação
Reprodução/Flickr
Ministério da Ciência e Tecnologia quer incentivar centros de inovação

O ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações lançou, nesta segunda-feira (20), uma chamada pública que visa incentivar a implementação de centros de inovação no país. A cerimônia aconteceu em Campinas, no interior de São Paulo, e contou com a participação do ministro da pasta, Marcos Pontes.

O objetivo desta chamada pública é destinar recursos para implementar centros de inovação que vão funcionar como uma plataforma que irá reunir o ecossistema de inovação no Brasil gerando novas ideias, projetos e pesquisas para o setor por meio da ciência e tecnologia.

"Imagine uma startup que começou em um centro de inovação na Amazônia. Ali tem dois engenheiros e um químico desenvolvendo um novo tipo de cerâmica que mantém a temperatura constante usando nanotecnologia e é biodegradável", explicou o ministro Marcos Pontes.

Ele ainda afirmou que "se esse produto é considerado viável para o mercado, é um produto que vale a pena investir". "O que a gente tem que transformar é conhecimento em nota fiscal. Se o acabamento ainda não está bom e é necessário conhecimento em tecnologia de materiais, onde tem uma equipe de cientistas que consegue resolver esse problema?", complementou Pontes. 

Ainda segundo a ideia, a startup poderá pedir ajuda de outros profissionais do Brasil com o objetivo de criar uma rede conectada.

De onde vem os recursos?

Os recursos para a modernização e implementação destes laboratórios são do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, disponibilizados por meio da Financiadora de Estudo e Projetos (FINEP), empresa pública vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários