O professor Leonardo Ávilla é alvo de um processo administrativo aberto pela instituição para apurar as denúncias
Reprodução
O professor Leonardo Ávilla é alvo de um processo administrativo aberto pela instituição para apurar as denúncias

O professor Leonardo Ávilla é alvo de um processo administrativo aberto pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio), após ser denunciado por assédio sexual e moral por ex-alunas. As informações são do repórter Bruno Menezes para o Metrópoles.

Segundo as vítimas, o professor utilizava de sua posição de coordenador para ameaçar quem reagisse negativamente às cantadas. O Fantástico, da TV Globo, ouviu 23 pessoas que afirmam ter sido vítimas de abusos.

As afetadas, em sua grande maioria, se mudaram para o Rio para serem bolsistas. Ávilla abusava deste fator para ameaçá-las, dizendo que era capaz de cortar o benefício e de expulsá-las do programa da universidade.

“Eu não podia me dar ao luxo de simplesmente dizer para ele que não porque eu tinha medo de ele me mandar embora do laboratório. Como é que eu ia fazer?” , contou uma vítima que se relacionou com o professor.

Leia Também

Até o momento, a universidade não respondeu aos questionamentos.

Defesa nega acusações

Leonardo Ávilla é professor de paleontologia e chefia o Laboratório de Mastozoologia da Unirio, que estuda mamíferos extintos. Ele também é acusado de retaliação na produção acadêmica.

“Ele passou a mão na minha perna, na coxa, muito próximo da virilha. E perguntou se eu gostaria de fazer ménage com ele e a companheira. Neguei. Todo trabalho que eu havia feito foi publicado sem o meu nome na autoria do artigo”, disse Cristina Bertoni, ex-professora de paleontologia.

Em entrevista à TV Globo, Alexsander Silva, advogado do professor, negou qualquer tipo de acusação. “No decorrer da vida acadêmica dele, ele se relacionou com pessoas. Isso faz parte de um comportamento humano, normal, e é por isso que a nossa espécie progrediu. Mas ele nunca utilizou a posição dele para obter vantagem sexual contra qualquer tipo de aluno” , declarou.

Drop here!

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários