Alexandre de Moraes, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF)
Nelson Jr./SCO/STF
Alexandre de Moraes, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF)

Nesta quarta-feira (17), o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes , decidiu revogar a prisão de uma mulher acusada de roubar água. Ela havia sido presa em julho deste ano pelo furto de água tratada da Companhia de Saneamento Básico (Copasa), em Minas Gerais, mediante fraude.

De acordo com Moraes, deixar a mulher na prisão seria incompatível. "A natureza do crime imputado, praticado sem violência ou grave ameaça, aliada às circunstâncias subjetivas da mulher, que é mãe de uma criança de 5 anos, indicam a manutenção da prisão como medida desproporcional", escreveu.


O ministro, então, revogou a prisão preventiva decretada contra a réu nos autos de ação penal que corre na comarca de Estrela do Sul (MG).

Leia Também

Confira a decisão na íntegra:


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários