Homem é preso no Maranhão após matar onça-preta e se publicar nas redes sociais
Reprodução/TV Globo
Homem é preso no Maranhão após matar onça-preta e se publicar nas redes sociais

A Polícia Civil do estado do Maranhão prendeu em flagrante na tarde da última quarta-feira (20) um homem investigado por caçar uma onça-preta. O caso se tornou público após um dos envolvidos publicar vídeos com o animal abatido nas redes sociais.

O crime aconteceu na área indígena Aroriboia, no município de Arame, a 476 km da capital São Luís. Nas imagens compartilhadas na internet, dois homens sorriem enquanto seguram o corpo da onça.

No momento da prisão a polícia encontrou junto do suspeito o couro da onça abatida, duas espingardas, oito munições intactas e quatro deflagradas, além de pólvoras e outros materiais para caça de animais silvestres.

Em nota, a Polícia Civil informou que o homem foi encaminhado para uma unidade prisional da região e que busca localizar os demais envolvidos no crime.

A onça-preta é da mesma espécie da onça-pintada. Segundo pesquisadores é o maior felino do continente americano e está ameaçada de extinção.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários