Saidinha temporária: Richthofen, Jatobá e Matsunaga deixam penitenciária
Reprodução
Saidinha temporária: Richthofen, Jatobá e Matsunaga deixam penitenciária

As detentas Suzane von Richthofen, Elize Matsunaga e Anna Carolina Jatobá sairam da Penitenciária Santa Maria Eufrásia Pelletier, em Tremembé (SP), nesta teça-feira (14) . As três foram beneficiadas com a saidinha temporária e deverão retornar à cadeia na próxima segunda-feira (20). As informações são do portal G1.

Esta é a terceira saidinha concedida aos detentos paulistas neste ano - as anteriores ocorreram em maio e junho. O calendário é realizado sob autorização do Poder Judiciário e, os próximos, deverão ocorrer entre o Natal e o Ano Novo. O benefício retornou após uma série de mudanças em decorrência da pandemia do novo coronavírus e é concedido aos detentos que apresentam bom comportamento e progrediram de pena, alcançando o regime semiaberto.

Matsunaga, antes de entrar em um táxi durante sua saída da unidade prisional, exibiu um cartaz com a seguinte frase para sua filha: "Te amarei além da vida". A criança vive com a avó desde que sua mãe foi presa por matar e esquartejar o marido Marcos Matsunaga, em 2012.


Anna Carolina Jatobá foi condenada após participar do assassinato de sua enteada Isabela Nardoni, em 2008. Já Suzane matou os pais em 2002 e está presa desde então.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários